O que são opções sobre índices e como é que funcionam?

Uma opção sobre índice é um instrumento financeiro derivado que concede o direito, mas não a obrigação, de comprar ou vender o valor de um índice subjacente. As opções sobre índices têm sempre um preço de exercício, uma data de expiração e um índice subjacente que as opções seguem. Todas as opções sobre índices são liquidadas em numerário.

Preço de exercício

O preço de exercício de uma opção sobre índice é o preço com o qual será comparado o preço de liquidação, de forma a calcular a liquidação em numerário que o investidor irá receber.

Data de expiração

Os instrumentos derivados, como as opções sobre índices, têm uma data de expiração. Corresponde ao último dia de negociação do contrato de opção na bolsa. O titular pode optar por fechar a posição ou deixar o contrato expirar. Uma vez que as opções sobre índices são liquidadas em numerário, o investidor recebe ou paga numerário consoante a opção ainda tem ou não valor quando expira. Na data de expiração, a bolsa emitente determina se há valor remanescente. Se houver algum valor, este será pago ao investidor.

Índice subjacente

Em finanças, os instrumentos derivados têm um valor subjacente. Esse valor pode ser um índice, (um conjunto de) ativos ou até outro instrumento derivado. O subjacente de uma opção de índice é, obviamente, um índice.

Encargos de uma opção de índice

O preço de uma opção é afetado por diversas variáveis. Essas variáveis são o preço atual da ação, o valor intrínseco, a volatilidade implícita, as taxas de juro, os dividendos em dinheiro pagos, o tipo de opção e o período de opção ou o valor temporal. Quanto mais perto do vencimento estiver a opção, menor será o valor temporal.

Quando compra uma opção, abre uma posição longa. Por esta posição, paga um prémio. O número de unidades do subjacente que é abrangido por um único contrato de opção é normalmente definido por um multiplicador. Consoante a série da opção, podem haver opções diárias, semanais, mensais e trimestrais. A dimensão do contrato é o valor pelo qual é multiplicado o subjacente para determinar o prémio.

Além do prémio, também é possível que tenha de pagar as comissões do corretor. Estas comissões dependem do corretor e normalmente podem ser consultadas na tabela de tarifas ou no website do corretor. Normalmente, o corretor também cobra encargos de transação pelas opções sobre índices, que também são incluídas na tabela de tarifas do corretor.

Como funciona a liquidação?

Como foi referido, as opções sobre índices são liquidadas em numerário porque não é possível entregar fisicamente o subjacente (o índice). Os investidores que têm posições longas numa opção de compra de índice que ainda tem valor na data de expiração receberão automaticamente uma liquidação em numerário. Os investidores que têm posições curtas numa opção de compra de índice que ainda tem valor na data de expiração terão de pagar este valor em dinheiro.

Quando a opção não tem valor na data de expiração, é retirada automaticamente da sua carteira de títulos com um valor de zero. Neste caso, não haverá liquidação em numerário.

Qual é o grupo-alvo das opções sobre índices?

As opções sobre índices são normalmente utilizadas por investidores que possam sofrer perdas de capital e que possuam conhecimentos suficientes sobre instrumentos financeiros (semelhantes). De um modo geral, os investidores que investem nos produtos têm um horizonte de investimento relativamente curto (inferior a cinco anos). Algumas opções sobre índices são consideradas mais arriscadas do que outras. Pode consultar o indicador de risco de um produto específico no Documento de Informação Fundamental (DIF). Todas as opções sobre índices devem ter um DIF. Trata-se de um documento de 3 páginas que descreve as características do produto e os riscos associados ao mesmo. Além do DIF, estão normalmente disponíveis informações sobre as especificações do contrato e do subjacente no website da bolsa. O símbolo de uma opção refere-se ao subjacente dessa opção.

Risco e recompensa

O investimento pode compensar, mas não é isento de riscos. Como acontece com todos os outros produtos financeiros, o investimento em opções sobre índices também implica o risco de perda. Com uma posição longa numa opção de venda ou compra, a perda máxima é o prémio que pagou. Se tiver uma posição curta numa opção, o lucro máximo será o prémio que recebeu ao vender (emitir) a opção. Quer se trata de uma opção de compra ou de venda. A perda máxima, por sua vez, já difere. Uma posição curta numa opção de compra tem uma perda potencial ilimitada. No caso de uma posição curta numa opção de venda, a perda máxima é o preço de exercício menos o prémio recebido.

Na DEGIRO, somos sinceros e transparentes sobre os riscos associados ao investimento. Antes de começar a investir, há vários fatores que deve considerar. É importante refletir sobre qual é o risco que está disposto a assumir e quais são os produtos que correspondem aos seus conhecimentos. Além disso, recomendamos que não invista dinheiro que lhe possa fazer falta a curto prazo, e que não entre em posições que lhe possam provocar dificuldades financeiras. Tudo começa com uma reflexão sobre o tipo de investidor que pretende ser. Pode ler mais sobre os riscos do investimento nos nossos Documentos de Informações Sobre Serviços de Investimento ou na nossa página sobre riscos.

As informações neste artigo não foram escritas para fins de consultoria, nem têm a intenção de recomendar quaisquer investimentos. Investir envolve riscos. Pode perder o seu depósito ou uma parte do mesmo. Aconselhamos que invista apenas em produtos financeiros que correspondam ao seu conhecimento e experiência.

backtotop

Note:Investir envolve riscos. Você pode perder (uma parte do) seu depósito. Aconselhamos que invista apenas em produtos financeiros que correspondam ao seu nível de conhecimento e experiência.

Note:
Investir envolve riscos. Você pode perder (uma parte do) seu depósito. Aconselhamos que invista apenas em produtos financeiros que correspondam ao seu nível de conhecimento e experiência.