Uma pilha de tubos de metal.

Investir em ações de materiais

Desde materiais de construção, como o aço e o cimento, a metais industriais, produtos químicos e embalagens, o sector de materiais engloba uma série de componentes indispensáveis e essenciais para as economias modernas. Neste artigo, abordamos mais aprofundamenteo sector de materiais, os principais intervenientes na indústria e as formas de investir neste sector.

Compreender ações de materiais

Os materiais são a espinha dorsal de qualquer economia. À medida que a população mundial se expande, a urbanização aumenta e as atividades industriais prosperam, a procura de materiais dispara, oferecendo potencialmente retornos substanciais aos investidores. Os materiais são essenciais para várias indústrias, incluindo a construção, a indústria transformadora, o desenvolvimento de infra-estruturas, a energia, a tecnologia e até os cuidados de saúde.

As ações de materiais são ações de empresas que operam na indústria de materiais. Estas ações representam a propriedade de empresas que lidam com a produção e o fornecimento de matérias-primas essenciais.

Exemplos de ações de materiais

As ações de materiais podem incluir empresas envolvidas em produtos químicos, materiais de construção, metais e minas, papel e embalagens e outros sectores relacionados. O investimento em ações de materiais pode proporcionar uma exposição à economia global e pode ser influenciado por fatores como a procura industrial, os preços dos produtos de base e os avanços tecnológicos.

Aqui estão três exemplos de ações de materiais:

  1. Nucor Corporation (NUE): A Nucor é um importante produtor de aço nos Estados Unidos, especializado na criação de produtos de aço inovadores e amigos do ambiente. A empresa centra-se em práticas sustentáveis e tem um forte historial de crescimento constante e dividendos.
  2. Freeport-McMoRan Inc. (FCX): A Freeport-McMoRan é uma empresa mineira internacional líder, especializada na produção de cobre, ouro e molibdénio. Com uma carteira diversificada de ativos mineiros e uma forte posição na indústria, a Freeport-McMoRan oferece potencial para os investidores que procuram exposição ao sector de materiais.
  3. Air Products and Chemicals, Inc. (APD): A Air Products é uma empresa de gases industriais de renome, que fornece uma gama de gases, produtos químicos e equipamento a várias indústrias. Com uma presença global e parcerias estratégicas, a empresa oferece um forte potencial de crescimento no sector dos materiais.

Como investir em ações de materiais

Se está a considerar investir em ações de materiais, há várias formas de o fazer. Uma opção é investir diretamente em ações de materiais individuais, ao comprar ações através de uma corretora. Outra opção é investir em ETFs que se concentram no sector dos materiais.

Ao escolher acões de materiais específicos para investir, é importante realizar uma investigação aprofundada. Pode procurar empresas com finanças sólidas, um historial sólido e perspectivas de crescimento positivas. Fatores como a procura de mercado para os seus produtos, a vantagem competitiva e a experiência de gestão podem ajudá-lo a investir em ações de materiais.

As ações de materiais são um bom investimento?

As ações de materiais oferecem frequentemente um nível de estabilidade e um potencial de crescimento a longo prazo. Muitas empresas de materiais estabeleceram-se como líderes nos seus respetivos sectores, beneficiam de economias de escala e de extensas redes de distribuição.

Os avanços tecnológicos e a inovação no sector dos materiais podem levar a um aumento da eficiência, à redução de custos e a vantagens competitivas para as empresas, que contribuem para uma potencial valorização das ações ao longo do tempo.

Embora as ações de materiais possam oferecer oportunidades atrativas de crescimento e dividendos potenciais, também apresentam riscos. A volatilidade dos preços, as flutuações cambiais e as alterações na dinâmica da oferta e da procura podem afetar o desempenho das ações de materiais.

Prós e contras de investir em ações de materiais

Como qualquer investimento, as ações de materiais têm as suas vantagens e desvantagens. Eis alguns pontos-chave a considerar:

Vantagens de investir em ações de materiais:

  • Procura estável: Como componentes essenciais de várias indústrias, as ações de materiais tendem a ter uma procura estável e consistente, proporcionando um fluxo de receitas potencialmente fiável.
  • Crescimento económico global: Com a expansão das economias mundiais e a crescente urbanização, prevê-se que a procura de materiais aumente, o que oferece oportunidades de crescimento para as ações de materiais.
  • Diversificação: Investir em ações de materiais pode proporcionar diversificação dentro de uma carteira, reduz a exposição ao risco através da incorporação de ativos de diferentes sectores, como a construção, a indústria transformadora e a energia.
  • Resistencia à inflação: As ações de materiais podem funcionar como uma proteção contra a inflação, uma vez que os preços das matérias-primas aumentam frequentemente durante os períodos de inflação, o que faz subir o valor das ações relacionadas.
  • Potencial de dividendos: Muitas empresas de materiais distribuem dividendos regulares, o que as torna opções atrativas para os investidores interessados no rendimento, que procuram um fluxo constante de capital.

Desvantagens de investir em ações de materiais:

  • Sensibilidade do ciclo económico: As ações do setor dos materiais são geralmente sensíveis aos ciclos económicos, uma vez que o seu desempenho está ligado ao crescimento económico global. Durante as recessões económicas, estas ações podem sofrer um declínio na procura e na rentabilidade.
  • Volatilidade dos preços: As ações de materiais podem estar sujeitas à volatilidade dos preços devido a fatores como as flutuações dos preços dos produtos de base, acontecimentos geopolíticos e mudanças na dinâmica da oferta e da procura, o que as torna propensas a flutuações de preços a curto prazo.
  • Dependência de matérias-primas: As ações de materiais dependem fortemente do preço e da disponibilidade de matérias-primas como metais, fontes de energia e produtos agrícolas. Qualquer perturbação ou flutuação nos mercados de matérias-primas pode ter impacto no desempenho das ações de materiais.
  • Regulamentação ambiental: O aumento da regulamentação e das preocupações ambientais pode colocar desafios às ações de materiais, uma vez que podem ter de investir em medidas dispendiosas de redução de emissões ou enfrentar restrições face à extração de recursos.
  • Perturbações tecnológicas: Os avanços tecnológicos podem representar uma ameaça para determinadas reservas de materiais. Por exemplo, o desenvolvimento de materiais alternativos ou de métodos de produção inovadores pode diminuir a procura de materiais tradicionais ao longo do tempo.

Investir em ETFs de materiais

Para explorar o potencial das ações de materiais e minimizar o risco, uma via popular para os investidores é investir em fundos de investimento (ETF) de materiais. Os ETFs oferecem uma opção conveniente para diversificar a sua carteira e ganhar exposição a uma vasta variedade de ações de materiais, distribuindo os riscos associados à seleção de ações individuais. Estes fundos reúnem os recursos dos investidores e investem numa mistura diversificada de acções de materiais, com o objetivo de replicar o desempenho de um índice de materiais.

Alguns ETFs de materiais que oferecemos na nossa plataforma:

Nome do ETF ISIN
SPDR MSCI World Materials UCITS ETF IE00BYTRRF33
Xtrackers MSCI World Materials UCITS ETF 1C IE00BM67HS53
iShares S&P 500 Materials Sector UCITS ETF USD Acc IE00B4MKCJ84
Global X Disruptive Materials UCITS ETF USD Acc IE000FP52WM7
SPDR MSCI Europe Materials UCITS EFT IE00BKWQ0L68

Nota: Alguns ETFs podem não estar disponíveis na nossa plataforma para o seu país (temporariamente) devido a razões regulamentares.

Principais conclusões

  • O sector dos materiais inclui empresas envolvidas na extração, processamento e produção de matérias-primas, tais como metais, produtos químicos e materiais de construção.
  • Exemplos de ações de materiais incluem empresas mineiras, fabricantes de produtos químicos e produtores de aço.
  • Ao optar por investir em ações do sector dos materiais, pode ter em conta fatores como a procura do mercado, a vantagem competitiva e a experiência de gestão.

Investir com a DEGIRO

Queremos tornar o investimento acessível a todos, por esse motivo, oferecemos comissões incrivelmente baixas. Para mais pormenores, consulte a nossa página de Comissões.

Para além de comissões baixas, tem acesso a um dos maiores universos de produtos e bolsas. Para obter uma visão geral dos produtos e bolsas que oferecemos, visite a nossa página Mercados.

Abrir uma conta

As informações contidas neste artigo não foram escritas para fins de aconselhamento, nem têm como objetivo recomendar quaisquer investimentos. Tenha em atenção que os factos podem ter mudado desde que o artigo foi originalmente escrito. O investimento envolve riscos (p.e., volatibilidade de preço, moeda ou risco de liquidez). Pode perder (uma parte) do seu capital investido. Aconselhamo-lo a investir apenas em produtos financeiros que correspondam aos seus conhecimentos e experiência. O desempenho passado não é um indicador fiável de resultados futuros. Os mercados são voláteis e podem sofrer flutuações significativas devido a desenvolvimentos económicos, políticos, regulamentares ou outros.

Fontes: Forbes, Yahoo Finance, Investopedia, Morningstar

Voltar

Comece a investir em 10 lições

Academia do investidor academy

Comece hoje a investir

Abrir uma conta gratuitamente invest
backtotop

A sua viagem de investimentos começa aqui

Abra uma conta gratuitamente e junte-se a mais de 2,5 milhões de investidores na nossa plataforma de fácil utilização.

Nota:
O investimento envolve riscos. Pode perder (uma parte) do seu capital investido. Aconselhamo-lo a investir apenas em produtos financeiros que correspondam ao seu conhecimento e experiência. Isto não é um conselho de investimento.

O investimento envolve riscos.

icon_close

Queremos capacitar as pessoas no sentido de se tornarem nos melhores investidores que possam ser. Ao oferecer um universo de possibilidades e escolhas na nossa plataforma de fácil utilização, estamos a remover barreiras para tornar o investimento acessível a todos: principiantes ou experientes. Na DEGIRO tem acesso a uma grande variedade de produtos em mais de 50 bolsas globais para ter a liberdade de investir da forma que desejar. No nosso mundo, também mantemos uma boa relação qualidade/preço. Assim, sem comprometermos a nossa qualidade, segurança e gama dos nossos serviços de investimento, oferecemos taxas baixas. Dar prioridade às suas necessidades fez com que nos tornássemos na principal corretora a nível europeu. Os nossos mais de 2,5 milhões de clientes e mais de 100 prémios internacionais são a prova do nosso sucesso.

A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch, uma sucursal estrangeira do flatexDEGIRO Bank AG | Amstelplein 1, 1096HA Amesterdão | telefone: +351 308 804 692 | e-mail: clientes@degiro.pt | A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch está registada na Câmara de Comércio Holandesa com o número 82510245. | A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch, que actua sob o nome DEGIRO, é a sucursal holandesa do flatexDEGIRO Bank AG. O flatexDEGIRO Bank AG é supervisionado primariamente pelo regulador financeiro alemão (BaFin). Nos Países Baixos, a flatexDEGIRO Bank Dutch Branch está registada no DNB e é supervisionada pela AFM e pelo DNB. | O flatexDEGIRO Bank AG é um banco alemão licenciado, supervisionado pelo regulador financeiro alemão e registado na Câmara de Comércio Alemã sob o número HRB 105687.