Visão geral do “Bear Market” e do investimento durante um.

O que é um Bear market?

O mercado de ações é conhecido pela sua volatilidade, e há alturas em que o mercado sofre uma queda significativa, o que pode levar ao pânico e incerteza dos investidores. Este fenómeno é normalmente conhecido como bear market. Os bear markets são uma parte natural do ciclo do mercado, pelo que tal como surgem, também acabam. E mesmo que não durem para sempre, é importante estar informado como investidor para saber o que fazer quando o mercado está em baixo.

O que é um Bear market?

Um bear market ocorre quando há uma queda de 20% ou mais nos preços em relação aos máximos recentes. Embora os preços das ações estejam em constante flutuação, num bear market, os preços permanecem mais baixos ou diminuem ainda mais durante meses ou mesmo anos. Um bull market é o oposto; ocorre quando os preços aumentam 20% ou mais em relação aos mínimos recentes. Em termos simples, as ações sobem durante um período prolongado num bull market e descem num bear market.

Os bull markets podem ser confundidos com as recuperações dos mercados em baixa. Enquanto que num bull market as ações estão numa tendência de subida sustentada, uma recuperação do mercado em baixa é quando os preços das ações sobem temporariamente depois de mergulharem num bear market, antes de voltarem a cair. Neste caso, pode parecer que bear market acabou, mas na realidade não foi esse o caso.

O que causa um bear market?

As causas dos bear markets podem variar, e também pode haver uma combinação de fatores que empurram os mercados para baixo. Em geral, alguns destes fatores incluem:

  • Uma economia fraca ou em desaceleração
  • Bolhas de mercado a rebentar
  • Crises geopolíticas
  • Intervenção governamental em assuntos económicos
  • Eventos nacionais ou mundiais, por exemplo, pandemias ou guerras

Quanto tempo duram os bear markets?

As bolsas são cíclicas; sobem e descem. Segundo a Putnam Investments, de 31.12.48 a 31.12.22 (um período de 74 anos), o S&P 500 viu 14 bear markets. Embora cada um tenha sido diferente, variando largamente em duração e severidade, em média, duraram 13 meses e registaram uma desvalorização de 25,3%.

Isso pode parecer assustador, mas o mercado recuperou sempre. Durante o mesmo período da investigação de Putnam, houve 14 bull markets que duraram em média 50 meses e registou um retorno acumulado médio de 136%.

Como investir num bear market?

Se é novo a investir, pode nunca ter experienciado um bear market. Não estamos num bear market, e talvez não entremos num, mas como recentemente entrámos no território do bear market, eis algumas dicas que pode ter em conta quando investir durante esse período:

Diversifique a sua carteira

Em geral, durante um bear market, todas as empresas dentro de um índice, como o S&P 500, tendem a cair. No entanto, podem não cair pelo mesmo percentual. Algumas empresas, indústrias e mesmo diferentes tipos de produtos financeiros podem ser mais ou menos afetados do que outros. Por isso, é importante ter uma carteira bem diversificada para ajudar a espalhar o risco. Como se costuma dizer, não ponha todos os seus ovos no mesmo cesto.

Foco no longo prazo

Pode sentir-se tentado a vender quando os mercados estão em queda. Embora os bear markets possam inicialmente causar pânico, como mencionado anteriormente, eles não duram para sempre, e o mercado recuperará a dada altura. É sensato manter o seu lano de investimento em mente e os seus objetivos a longo prazo.

Considerar o custo médio em dólares

O Custo Médio em Dólares (dollar-cost averaging, em Inglês) é uma estratégia de investimento que se centra na duração no mercado em vez de se centrar no timing do mercado. Quando se segue esta estratégia, investe-se um montante fixo de dinheiro a intervalos regulares, independentemente do preço da ação. Quando os preços das ações são elevados, receberá menos ações pela sua quantia fixa, e quando os preços das ações são baixos, receberá mais. Esta estratégia, ao longo do tempo, pode reduzir o custo médio por ação pago comparando se comprasse todas as ações diretamente a um preço mais elevado, e também retira fatores emocionais do investimento.

Principais conclusões

  • Um bear market ocorre quando um mercado regista quedas prolongadas de preços.
  • Os bear markets vão e vêm. Historicamente, os bull markets têm durado muito mais tempo do que os bear markets.
  • Quando se verifica um bear market, pode ajudar a proteger os seus investimentos se diversificar a sua carteira, concentrando-se no longo prazo e considerando a utilização de uma estratégia de custo médio em dólares.

Investir com a DEGIRO

Queremos tornar o investimento acessível a todos, oferecendo os nossos serviços de investimento com comissões incrivelmente baixas. Para mais informações, consulte a nossa página de Comissões.

O risco da sua carteira pode ser influenciado pela diversificação dos seus investimentos, distribuindo-os por diferentes tipos, regiões e sectores. É por isso que lhe oferecemos acesso a um universo de oportunidades de investimento. Consulte a nossa página de Mercados para obter uma visão geral dos produtos e bolsas que oferecemos.

Abre uma conta

A informação contida neste artigo não foi redigida para fins de consultoria, nem pretende recomendar quaisquer investimentos. Por favor, esteja ciente de que os factos podem ter mudado desde que o artigo foi originalmente escrito. O investimento envolve riscos. Pode perder (uma parte) do seu depósito. Aconselhamo-lo a investir apenas em produtos financeiros que correspondam aos seus conhecimentos e experiência. A diversificação não garante lucro ou proteção contra perdas em mercados em declínio.

Fontes: Bloomberg, Reuters, Investopedia, Putnam Investments, Nerdwallet, Motley Fool, NYT, NPR

Voltar

Comece a investir em 10 lições

Academia do investidor academy

Comece hoje a investir

Abrir uma conta gratuitamente invest
backtotop

A sua viagem de investimentos começa aqui

Abra uma conta gratuitamente e junte-se a mais de 2,5 milhões de investidores na nossa plataforma de fácil utilização.

Nota:
O investimento envolve riscos. Pode perder (uma parte) do seu capital investido. Aconselhamo-lo a investir apenas em produtos financeiros que correspondam ao seu conhecimento e experiência. Isto não é um conselho de investimento.

O investimento envolve riscos.

icon_close

Queremos capacitar as pessoas no sentido de se tornarem nos melhores investidores que possam ser. Ao oferecer um universo de possibilidades e escolhas na nossa plataforma de fácil utilização, estamos a remover barreiras para tornar o investimento acessível a todos: principiantes ou experientes. Na DEGIRO tem acesso a uma grande variedade de produtos em mais de 50 bolsas globais para ter a liberdade de investir da forma que desejar. No nosso mundo, também mantemos uma boa relação qualidade/preço. Assim, sem comprometermos a nossa qualidade, segurança e gama dos nossos serviços de investimento, oferecemos taxas baixas. Dar prioridade às suas necessidades fez com que nos tornássemos na principal corretora a nível europeu. Os nossos mais de 2,5 milhões de clientes e mais de 100 prémios internacionais são a prova do nosso sucesso.

A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch, uma sucursal estrangeira do flatexDEGIRO Bank AG | Amstelplein 1, 1096HA Amesterdão | telefone: +351 308 804 692 | e-mail: clientes@degiro.pt | A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch está registada na Câmara de Comércio Holandesa com o número 82510245. | A flatexDEGIRO Bank Dutch Branch, que actua sob o nome DEGIRO, é a sucursal holandesa do flatexDEGIRO Bank AG. O flatexDEGIRO Bank AG é supervisionado primariamente pelo regulador financeiro alemão (BaFin). Nos Países Baixos, a flatexDEGIRO Bank Dutch Branch está registada no DNB e é supervisionada pela AFM e pelo DNB. | O flatexDEGIRO Bank AG é um banco alemão licenciado, supervisionado pelo regulador financeiro alemão e registado na Câmara de Comércio Alemã sob o número HRB 105687.